Christian Gebara, executivo da Telefônica/Vivo responsável pela recente fusão com a operadora GVT, falou em entrevista ao Tecnoblog a respeito da polêmica adoção do limite de dados em internet fixa que a empresa começou a adotar este ano. Segundo ele, quem faz uso de plataformas de streaming, como YouTube e Netflix, terá de pagar planos mais caros. Perguntado sobre como…

A polêmica é recente, mas pode ter sido uma tragédia anunciada. Quase dois anos atrás, durante uma reunião do seu conselho consultivo, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) previu que, dentro de pouco tempo, operadoras de telefonia passariam a impor limite de dados na internet fixa, seguindo a tendência iniciada pelas franquias de dados móveis. Na época, a agência avaliou…

Dizendo-se "preocupado" com as recentes notícias de que as operadoras de telefonia de todo o Brasil querem restringir o acesso à internet por redes fixas estipulando franquias de dados, o Ministério das Comunicações decidiu interceder. Em ofício encaminhado nesta quinta-feira, 14, à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o ministro André Figueiredo pede que o órgão defenda os interesses dos consumidores…

A decisão de limitar a conexão dos clientes de acordo com os pacotes adquiridos isolou a Vivo das concorrentes, uma vez que até agora a operadora é a única que se mostrou disposta a tomar tal medida no setor de internet fixa. O UOL procurou as principais representantes do setor e confirmou que nenhuma delas pretende seguir os passos da…